Quarta, 27 de Fevereiro de 2019

Esposende serve Sabores do Mar durante o mês de março em 41 restaurantes

Pelo vigésimo ano consecutivo, ao longo do mês de março, os Sabores do Mar vão ser servidos à mesa dos restaurantes do concelho de Esposende. O Município de Esposende, em parceria com as unidades de restauração concelhias, leva a efeito a iniciativa Março com Sabores do Mar, com o intuito de afirmar a gastronomia/vinhos como produto estratégico e de atrair visitantes ao concelho, apostando também na valorização dos produtos endógenos e na capacitação dos agentes económicos locais.

O evento foi, hoje, apresentado publicamente, numa sessão onde marcaram presença os diversos parceiros do evento e que decorreu no Espaço Sabores do Mar, instalado no Largo Rodrigues Sampaio, no centro da cidade, que servirá de palco à realização de um conjunto de iniciativas ao longo do evento. A sessão foi abrilhantada pelo projeto AmareMar - Arte e Comunidade e contou com a colaboração da Escola Profissional de Esposende.

Na apresentação foram apresentados indicadores estatísticos, que revelam o sucesso da estratégia da ação do Município de Esposende, na promoção e dinamização do turismo, nomeadamente, no que se refere ao crescimento do número de dormidas e de hospedes, que duplicou nos últimos 5 anos e que quando comparados, em 2018, com a realidade regional e nacional, apresenta no concelho de Esposende taxas de crescimento, de cerca de 15%, em comparação com um crescimento de cerca de 5.2% para a região do Porto e Norte de Portugal. Outro dos indicadores relevantes, é a confirmação, de que o crescimento da atividade turística, aconteceu na sua maioria fora do período balnear, reduzindo desta forma a exposição do efeito sazonalidade.

“Março com Sabores do Mar é uma marca de relevo no panorama gastronómico nacional, assente em vinte anos de divulgação do património enogastronómico de Esposende”, afirmou o Presidente da Câmara Municipal, Benjamim Pereira, notando que a iniciativa pretende “envolver toda a comunidade local, com forte participação da comunidade escolar, promovendo concursos e iniciativas que incentivam o consumo de peixe”.

O evento tem subjacente uma estratégia turística, que passa por atrair visitantes ao território, proporcionando-lhes experiências diferenciadoras, por forma a que privilegiem este destino turístico, mantendo-se o combate à sazonalidade também como prioridade. Benjamim Pereira notou que “uma iniciativa que atinge a vigésima edição é porque tem valor e que sabe adaptar-se e atualizar-se permanentemente, alargando o seu alcance e envolvendo a comunidade”.

“Estamos a trabalhar focados, com o rumo bem definido”, afirmou, acrescentando que a ação do Município é alavancada por uma política municipal sólida de apoio e investimento direto em várias áreas e no apoio aos empresários. Neste contexto, referiu o forte investimento que se perspetiva, com a requalificação e valorização do território, bem com a manutenção da aposta no apoio e na promoção de eventos que proporcionam uma forte dinâmica de promoção e asseguram a atração de turistas e visitantes ao longo de todo o ano e em todo o concelho.

Concluiu expressando votos de que esta edição do Março com Sabores do Mar seja “um momento de partilha de conhecimento, de crescimento e valorização económica dos nossos empresários, mas, acima de tudo, um momento de felicidade e de usufruto das coisas boas da vida”, e manifestou agradecimentos a todos os parceiros do evento.

O Vereador do Turismo, Sérgio Mano, deu a conhecer a programação de 2019 do Março com Sabores do Mar, destacando o empenho e envolvimento dos vários parceiros na iniciativa, antevendo, assim, mais uma edição de sucesso. Num discurso otimista, deu nota dos animadores dados turísticos de Esposende referentes a 2018, que revelam o sucesso da estratégia definida pelo Município, nomeadamente no apoio e promoção de uma oferta diferenciada, exclusiva e irrepetível, como é o caso do produto turístico Caminhos de Santiago.

“Estamos a crescer cada vez mais e, sobretudo, fora do período balnear”, afirmou Sérgio Mano, acrescentando que Esposende está a apostar “numa oferta diferenciadora e criativa”. No contexto do Norte de Portugal, Esposende continua a crescer ao nível de turistas, beneficiando da saturação de destinos como o Porto, uma procura que assenta também na capacidade alargada de oferta do concelho. Em jeito de apelo, o Vereador exortou os empresários a continuarem a apostar na oferta de produtos de qualidade e, sobretudo, diferenciadores, assumindo o papel de parceiros do Município na captação de visitantes e, consequentemente, na dinamização da economia local.

Em representação da Entidade Regional Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP), Cristina Mendes, saudou o Município pela realização do Março com Sabores do Mar, que considerou “um evento interdisciplinar, único e um cartão de visita de Esposende, cuja virtude assenta no mote “inovar na tradição”.

“O turismo assenta na diferença e Esposende tem marcado essa diferença”, afirmou Cristina Mendes, destacando o papel do Município no desempenho turístico de Esposende e do Norte de Portugal e expressando satisfação pelos excelentes resultados turísticos de 2018. Concluiu manifestando total disponibilidade de Entidade Regional TPNP para continuar a colaborar com o Município na promoção da região.

20 anos de Março com Sabores do Mar

Na 20.ª edição do Março com Sabores do Mar participam 41 restaurantes, 20 dos quais aderem ao Concurso Gastronómico Março com Sabores do Mar, apresentando propostas inovadoras ao nível dos pratos de peixe e marisco, tal como sucede com os concursos Jovem Cozinheiro da Escola Profissional de Esposende, Cantinas Escolares, Fish Chef e Peixe com Todos. No evento participam também 20 pastelarias com produção própria.

A marcar o arranque do Março com Sabores do Mar, decorre, de 1 a 3 de março, o Fim- de-Semana Gastronómico de Esposende, convidando a saborear uma ementa saborosa e genuína, composta por Lampreia do Rio Cávado, vinhos verdes do concelho e Clarinhas de Fão.

Tendo como intuito contribuir para uma melhor qualificação dos profissionais do setor, serão realizadas oficinas e formações para cozinha, e formações dirigidas ao serviço de mesa. Reputados chefes e outras personalidades irão ministrar show cookings e várias ações de formação.

A iniciativa Doces e Endógenos irá proporcionar a demonstração, degustação e aquisição de produtos locais, com destaque para os hortícolas, pastelaria, lacticínios, vinhos, licores, cerveja artesanal, entre outros.

Nesta edição repete-se a atividade A Escola vai à Lota!, para dar a conhecer à comunidade escolar a atividade piscatória desenvolvida no concelho, bem como a iniciativa O Peixe é Fish, que visa despertar junto dos jovens o interesse pelo consumo de peixe.

A assinalar os 20 anos do evento, o Município editou o livro “Março com Sabores do Mar: 20 anos de tradição e inovação”, uma publicação com testemunhos de personalidades que, de forma variada, deram o seu contributo e enriqueceram a programação desta iniciativa ao longo das várias edições. Surge também a edição de um conto infantojuvenil da autoria de Hugo Dias e Adriana Moreira, o livro “Junco: a cesta de iguarias”. Inserido numa política de promoção dos produtos locais e da educação para uma alimentação saudável, este caderno servirá para trabalhar junto da comunidade escolar infantojuvenil. Outra das iniciativas é a mostra de rua comemorativa “Março com Sabores do mar: 20 anos de tradição e inovação”, com imagens e textos alusivos às várias edições, retratando o percurso das programações e sua evolução.

No Centro de Informação Turística de Esposende, estará patente a mostra fotográfica intitulada “Propostas Gastronómicas com Sabores do Mar”, uma exposição alusiva aos pratos que integram o concurso gastronómico do “Março com Sabores do Mar”. O Museu Municipal apresenta uma mostra temática da Coleção de Arte Contemporânea, promovendo os Autores locais e a Educação pela Arte, intitulada “Águas Marinhas e os Mares de Esposende”

O programa inclui também o seminário “Gastronomia de Esposende: do mar à horta”, que visa sinalizar e valorizar o pescado e a Costa de Esposende e afirmar a produção hortícola local.

Concebida expressamente para o evento foi a peça de teatro “Escafandro", da autoria de Hugo Direito Dias, que será representada pelo grupo de teatro infantojuvenil Boca de Cena.

Em parceria com o projeto de arte e comunidade AMAReMAR, as animações realizadas para o evento Março com Sabores do Mar irão itinerar, durante a hora de almoço dos três primeiros domingos do mês de março, nos restaurantes aderentes.

Como forma de assinalar também os 20 anos do evento, em Esposende, Apúlia e Fão pontuam trabalhos da oficina de Costura Criativa do projeto AMAReMAR, simbólicas representações de espécies marinhas dos nossos rios e mar.

No Museu Municipal de Esposende, será desenvolvido o evento artístico de intervenção cultural, “Arrastados na corrente”, pelo Grupo Arte Celano. Trata-se de projeto interventivo que funciona em simultâneo como exposição temporária, workshop e instalação, visando todos aqueles que acreditam, ainda, que o desrespeito pela natureza não tem consequências.

Em suma, são muitas e variadas as propostas complementares ao evento gastronómico que justificam uma visita a Esposende, durante o mês de março.

De referir ainda que a cerimónia de entrega de prémios do Março com Sabores do Mar terá lugar no dia 2 de abril, pelas 15h00, no Espaço Sabores do Mar.